20/05/2021 às 14h19min - Atualizada em 20/05/2021 às 14h19min

Polícia Civil de Divino prende quadrilha que aplicava golpes na região

Golpes de estelionato

Operação policial deflagrada pela Polícia Civil da Comarca de Divino culmina na prisão em flagrante de dois suspeitos da prática de estelionatos na região e recupera um veículo produto de crime aplicado pela dupla.

A Policia Civil da comarca de Divino MG, recebeu informações noticiando que uma dupla estaria supostamente aplicando golpes de estelionato, adquirindo veículos e dando em pagamento cheques extraviados/furtados/roubados em nome de terceiros.


Após diversas diligências, a PC conseguiu contato com um dos titulares dos cheques que estariam sendo usados pelos suspeitos, tendo esta dito que sequer teria recebido o talonário referente ao número de cheque informado, ocasião em que foram informados que havia sido extraviado um malote do Banco, onde estavam diversos talões de cheques.

 


Suspeitando de que se tratava da prática de golpe, foi montado uma campana no local onde os suspeitos haviam marcado de encontrar com o vendedor e, após a dupla chegar ao local, vistoriar o carro que estava sendo vendido pela vítima, um dos suspeitos disse que iria comprar o carro e pediu que o outro preenchesse e assinasse o cheque (pertencente a terceiro totalmente estranho aos fatos).


Assim sendo, o outro autor procedendo como se fosse o titular da conta bancária vinculada ao cheque, preencheu e assinou o referido cheque, momento em que foram abordados e submetidos a busca pessoal e veicular, recebendo, em seguida, voz de prisão em flagrante delito. Durante as buscas foram arrecadadas outras folhas de cheque da mesma conta com um dos autores, bem como cheques de outra conta, mas da mesma agência, estando, inclusive, uma delas em branco, enquanto outras devidamente preenchidas.

 

Os suspeitos R. A. D., de 23 anos e T. R. A., de 29 anos, disseram ser moradores de Manhuaçuzinho, município de Manhuaçu/MG.

 

A dupla foi conduzida à Delegacia de Polícia, onde apresentaram versões desconexas e, após intenso trabalho de entrevista e cruzamento de dados com confrontação dos conduzidos, a equipe policial constatou que os dois suspeitos haviam realizado outros golpes da mesma modalidade recentemente, inclusive, o veículo utilizado nesta tarde quando da prisão em flagrante tinha sido comprado hoje de manhã na cidade de Manhuaçu, onde também efetuaram o pagamento com cheque de procedência desconhecida.


A vítima deste crime foi identificada e localizada, comparecendo em sede policial para prestar declarações, onde confirmou a venda do referido automóvel na manhã de hoje aos meliantes.



Ao final do interrogatório um dos suspeitos confessou que havia adquirido recentemente ao menos três veículos aplicando a mesma modalidade de golpe.



As ações foram coordenadas pelo Delegado titular da Delegacia de Polícia da Comarca de Divino/MG, Dr. Cristiano Silva de Almeida, que, após cumpridas as formalidades de praxe, ratificou a voz de prisão em flagrante delito dada aos investigados, encaminhando-os ao Presidio de Eugenópolis/MG, onde permanecem a disposição da Justiça.


O impacto publicidade

 

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »