02/03/2021 às 16h39min - Atualizada em 02/03/2021 às 16h39min

MPMG auxilia no transporte de doações feitas à Cruz Vermelha que serão entregues em Carangola e Espera Feliz

Ajuda humanitária

O Ministério Público de Minas Gerais (MPMG), por meio da Procuradoria-Geral de Justiça (PGJ), colocou à disposição da Cruz Vermelha Brasileira (unidade Minas Gerais) um caminhão para levar 220 cestas básicas, 110 cobertores, 200 kits de limpeza, 200 kits de higiene, 100 kits de roupa de cama e 4 mil máscaras que serão entregues à população de Carangola Espera Feliz nesta terça-feira, 2 de março. A cidade, que tem cerca de 25 mil habitantes, foi atingida por fortes chuvas no final de janeiro deste ano. Várias pessoas ficaram desabrigadas e o município decretou calamidade pública.


Todo o material arrecado pela Cruz Vermelha, que será entregue em Espera Feliz, foi recolhido por meio de doações feitas pela população.

 

De acordo com o promotor de Justiça Walter Freitas de Moares Júnior, que atua na Promotoria de Justiça de Ipatinga e é voluntário da Cruz Vermelha, em razão da gravidade da situação na Zona da Mata, foi feito um contato com a PGJ que cedeu um caminhão do MPMG para envio da ajuda humanitária recolhida pela Cruz Vermelha Brasileira - Minas Gerais (CVB-MG). “Os promotores de Justiça da Zona da Mata atuam ativamente nesse momento de necessidade. Participam da organização da missão, levantamento de demandas e logística de distribuição. Voluntários, grupos de escoteiros, Rotary e outras organizações participam conosco dessas ações”, esclarece.


Ainda segundo o promotor de Justiça, “essa missão é realizada em parceria com a PGJ, com os promotores de Justiça da Zona da Mata e com a Rede de Voluntariado do MPMG. Trabalhamos em uma missão semelhante em Espera Feliz e Carangola no período chuvoso no ano passado”, explica.


A Cruz Vermelha, conforme explica Walter Freitas, atua em períodos de enchente, incêndio florestal, tragédias com as de Mariana e Brumadinho entre outras situações.

 

Entrega de doações

De acordo com a Cruz Vermelha, quem puder doar alimentos não perecíveis, colchões, travesseiros, roupas de cama, produtos de higiene e produtos de limpeza pode entregar as doações na sede da CVB-MG (avenida Alameda Ezequiel Dias, 427, Centro), de segunda a sexta-feira, entre 7 e 19 h.


Para doações em grandes quantidades a Cruz Vermelha poderá providenciar um veículo para realizar a coleta.

 

Ministério Público de Minas Gerais
Superintendência de Comunicação Integrada
Diretoria de Imprensa


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »