02/02/2021 às 17h28min - Atualizada em 02/02/2021 às 17h28min

Detran-MG começa a cobrar o porte do documento de veículos do ano-base 2020

CRLV 2020

Imagem Ilustrativa

Quem não tiver em dia pode receber multa e ter o carro recolhido.


O Departamento Estadual de Trânsito de Minas Gerais (Detran-MG) começou a cobrar o porte do Certificado de Registro e Licenciamento de Veículos (CRLV) do ano-base 2020. A cobrança, que deveria ter acontecido a partir de agosto do ano passado, foi prorrogada por causa da pandemia do novo coronavírus.


O documento antes era enviado ao endereço do contribuinte, mas agora os motoristas têm duas opções: imprimir o comprovante no site do Detran ou baixar o aplicativo onde os dados podem ser carregados no celular.


De acordo com o coordenador de administração do Detran-MG, Adriano Assunção, em fevereiro o documento será exigido para os veículos de final de placa de 1 a 5 e, a partir do dia 1º de março, para os veículos de final de 6 a 0.


O coordenador explica quais as punições para quem não tiver com o documento em dia. “O proprietário do veículo automotor que estiver circulando sem o CRLV incorrerá na infração prevista no artigo 230 inciso 5 do código de trânsito brasileiro de natureza gravíssima com penalidade de multa e remoção do seu veículo.”


Outros impostos

Seguem correndo os prazos para pagamento dos impostos relativos a 2021. Neste mês de fevereiro, vence a segunda parcela do IPVA e a taxa de licenciamento pode ser paga até o final do mês de março. Não há cobrança do seguro DPVAT neste ano.
Os comprovantes de pagamento dos impostos 2021 devem ser exigidos a partir de agosto.

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »