29/10/2020 às 12h04min - Atualizada em 29/10/2020 às 12h04min

Cemig inicia construção de subestação em Divino

8 milhões de investimento

Com um investimento de cerca de R$ 8 milhões de reais, a Cemig começou a construção da subestação (SE) na cidade de Divino, uma obra de grande importância para o sistema elétrico da região. As obras tiveram início em agosto e, no momento, estão na fase de terraplenagem. A previsão é de que a subestação esteja concluída e energizada até julho de 2021.


A SE Divino terá potência instalada de 15MVA, que é suficiente para atender uma demanda de 30 mil consumidores. Serão instalados, ainda, 4 alimentadores que melhoram a distribuição de energia regional, aumentando a confiabilidade do sistema e a capacidade de atender mais rapidamente as demandas de fornecimento. A subestação vai contar ainda com um banco de capacitores de 3,6MVAr, melhorando os níveis de tensão da energia distribuída.

 

O gerente de Expansão e Manutenção da Alta Tensão da Distribuição Leste , Paulo José Clebicar Nogueira, explica que, com a conclusão da subestação, os clientes das cidades Divino, Fervedouro, Orizânia e São Francisco do Glória perceberão uma grande melhoria na qualidade do fornecimento de energia . “Estamos seguindo nosso cronograma de obras e redobramos os cuidados com a segurança devido à pandemia. Entendemos que manter a execução dessas obras é fundamental para garantir toda a infraestrutura energética necessária para o bem-estar da população e também para as atividades econômicas, principalmente, nessa região que é importante produtora de café ”, ressaltou o gerente.



Essa obra faz parte de um conjunto de investimentos que o Governo de Minas, por meio da Cemig, está fazendo para melhorar e modernizar o sistema elétrico do estado e, consequentemente, levar mais desenvolvimento econômico e melhoria na qualidade de vida dos cidadãos mineiros. Só para esse ano estão previstos cerca de R$ 1,5 bilhão em investimentos e, no período de 2018 a 2022, a empresa vai investir R$ 6,2 bilhões nas redes de baixa, média e alta tensão de Minas Gerais, sendo a região Leste do estado uma das que mais vai receber melhorias.


Paulo Roberto da Rádio


Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »