08/10/2020 às 13h18min - Atualizada em 08/10/2020 às 13h18min

Instituições e famílias de Carangola, Divino e Muriaé recebem doação de alimentos

25 toneladas de doações

Portal Caparaó

Mais de 25 toneladas de alimentos produzidos pela agricultura familiar foram comprados e estão sendo distribuídos por meio do Programa de Aquisição de Alimentos (PAA). A ação é coordenada pela Universidade Federal de Viçosa (UFV) com o apoio de organizações ligadas à agroecologia e à agricultura familiar, como o Centro de Tecnologias Alternativas da Zona da Mata (CTA-ZM), a Articulação Mineira de Agroecologia (AMA) e grupos e organizações que integram o Polo Agroecológico e de Produção Orgânica da Zona da Mata mineira.



Em Carangola, Divino e Muriaé quatro instituições da rede socioassistencial e 200 famílias receberam doações. Agricultores dos três municípios conseguiram vender alimentos na Chamada Pública realizada como parte da ação.



A UFV realizou Chamada Pública e 21 organizações de agricultores familiares de Viçosa, Ponte Nova, Juiz de Fora, Muriaé, Divino, Ervália, Teixeiras, Acaiaca, Jequeri, Carangola, Visconde do Rio Branco e Lima Duarte se habilitaram a fornecer diversos tipos de alimentos agroecológicos e e orgânicos in natura e processados.

São frutas, verduras, legumes, arroz, feijão, farinha de mandioca, fubá, canjiquinha, temperos, café, açúcar mascavo, rapadura, bolos, biscoitos e pães de queijo. Entidades e famílias vinculadas à rede socioassistencial dos 12 municípios da Zona da Mata, além de Belo Horizonte, Governador Valadares, Montes Claros, Caldas e Poço Fundo receberão os alimentos.



No contexto de enfrentamento à pandemia do coronavírus, a ação pautada pela Articulação Nacional de Agroecologia (ANA) tem grande importância por se tratar de um Programa estruturante e emergencial. O PAA beneficia os agricultores, que conseguem comercializar seus produtos e garantir renda, e as instituições recebedoras que terão acesso a alimentos saudáveis e de qualidade. As doações também chegarão às pessoas em situação de vulnerabilidade social, garantindo a segurança alimentar e nutricional.



Fonte: UFV

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »