06/07/2020 às 16h26min - Atualizada em 06/07/2020 às 16h26min

Zema e ministros anunciam R$ 250 milhões para investimento em turismo e saneamento básico em Minas

Parque do Caparaó na lista

Em uma agenda surpresa, o ministro do Meio Ambiente, Ricardo Salles, e o ministro do Turismo, Marcelo Álvaro Antônio, concederam entrevista coletiva à distância nesta segunda-feira junto com o governador de Minas, Romeu Zema (Novo). Eles anunciaram o investimento de R$ 250 milhões no estado a partir de um acordo realizado com a mineradora Vale.


O dinheiro é proveniente da multa que foi aplicada pelo governo federal à mineradora pelo rompimento da barragem em Brumadinho, em janeiro de 2019, R$ 150 milhões serão investidos em sete parques nacionais (Serra do Cipó, Caparaó, Grande Sertão Veredas, Serra da Canastra, Cavernas do Peruaçu, Sempre Vivas e Serra do Gandarela) para poder incentivar o turismo.


“Isso vai arrumar os parques, deixar em condições de visitação, com toda infraestrutura necessária, treinamento de pessoas, geração de emprego para todo o entorno de cada um deles”, disse o ministro Ricardo Salles.


Em entrevista à Itatiaia, Salles disse que este acordo, que tem prazo de execução de 3 anos é mais vantajoso do que aquele feito após a tragédia de Mariana, em novembro de 2015. “As soluções desenhadas no caso de Mariana demonstraram um excesso de burocracia, demora e, até hoje, muitas queixas dos grupos que se formaram”.


Segundo Zema, os outros R$ 100 milhões serão investidos em saneamento básico em municípios mineiros que ainda não foram selecionados. “A questão dos municípios a serem escolhidos vai ser tratada entre o governo federal e a secretaria de Desenvolvimento Social e serão priorizados aqueles mais carentes. Esse valor está longe de ser suficiente para corrigir o saneamento no estado, mas vai ajudar muito esses municípios”, afirmou.

 
 

Link
Tags »
Notícias Relacionadas »
Comentários »